Possuir um aquário hoje está bem mais popular, principalmente para quem não tem a possibilidade de ter outros pets como cachorros ou gatos. Por isso, vamos dar 5 dicas importantíssimas sobre aquarismo para iniciantes. 

Se você acha que ao entrar nesse mundo, seja por hobby ou outro motivo, vai encontrar apenas facilidade, baixo custo e menos gasto com manutenção, é melhor ler esse artigo até o final e escolher bem antes de começar a montar o seu aquário. 

01 Iniciando no aquarismo? Escolha o peixe correto!

Qual o peixe ideal para um iniciante no aquarismo? Essa pergunta não tem uma resposta concreta. Mas tudo depende muito de quanto de dedicação e orçamento você possui.

Há quem diga que o aquarismo com peixes de água doce é mais fácil de lidar ou mais simples que o aquarismo de água salgada. Neste caso, alguns tipos de peixe são tidos como mais resistentes, como os labirintídeos, coridoras e ciprinídeos. 

No entanto o tipo de peixe não é o único fator determinante no sucesso de um aquário. São várias combinações que você, iniciante, terá que pensar para manter um ambiente harmonioso e saudável para os peixinhos.

Existem, por exemplo, peixes pequenos de água doce que exigem um espaço maior pela sujeira que fazem dentro do aquário. 

02 O local correto importa muito

Seu aquário não pode receber diretamente a luz do sol, isso acarreta em problemas para os peixes. É muito importante também que o aquário esteja localizado perto de tomadas e longe de outros animais. Evite ao máximo que obstáculos impeçam a manutenção ou manuseio, isso facilitará muito a sua vida. 

O próximo ponto é óbvio, mas precisa ser dito: a mesa precisa estar estável e segura. Não deixe o aquário em mesas que não são tão confiáveis, acidentes podem acontecer e você não vai querer isso. Além da tristeza de perder seu pet, você também terá um grande prejuízo financeiro. 

03 No aquarismo para iniciantes, tamanho é documento! 

Sim, o tamanho do aquário importa. Cada espécie de peixe tem suas peculiaridades e necessidades, o aquário é basicamente o meio ambiente e o ecossistema no qual eles estão inseridos.

Mas não pense que quanto maior melhor. A ideia é que o tamanho do aquário seja proporcional às necessidades do tipo de peixe que você escolheu. 

Uma dica importante no aquarismo para iniciantes é escolher aquários de 38 a 96 litros. Mas então voltamos ao ponto anterior: o local que você escolheu é seguro e sustente esse peso?

Se preciso for, teste com seu próprio corpo. Suba na mesa e garanta que é estável e segura para colocar seu aquário. 

04 Importância da iluminação e temperatura 

Primeiro vamos falar sobre iluminação. Ultimamente os aquaristas têm preferido utilizar lâmpadas de LED para iluminar seus aquários. Isso porque esse tipo de material é mais resistente, duradouro, eficiente e econômico, mas exige um investimento inicial maior. 

No entanto se você está iniciando no aquarismo sem um orçamento muito grande, existem algumas opções. As luminárias como HQI e lâmpadas T5/T8/PL também são mais utilizadas e um pouco mais em conta, por exemplo. 

A luz escolhida é influencia direta do ambiente que você está montando no aquário. Se, por exemplo, a escolha foi um ambiente com corais, luzes mais fortes são as recomendadas. Mas se for um aquário no estilo plantado, utilizes lâmpadas T5 ou T8 nas cores rosa, branco e azul actínica. 

Agora o próximo ponto é a temperatura do aquário. Para iniciantes no aquarismo a dica é: monitore sempre! A temperatura precisa ser estável, pois as variações podem afetar a saúde dos peixinhos, dos corais e das plantas.

Mas não entenda errado: você não vai aquecer a água, vai apenas monitorar, já que terá um aquecedor no aquário. 

O ideal é que o seu aquecedor tenha um termostato, para indicar quando a temperatura chegar no ideal e desligar o aquecedor. Assim a saúde dos seus peixes não estará em risco por conta de excesso ou falta de calor na água. 

05 Escolha bem o sistema de filtragem

Agora estamos falando do coração do aquário, afinal o sistema de filtragem é a parte mais importante para o funcionamento do seu ambiente.

A filtragem é essencial para a vida dos peixes, pois é ela quem retira as impurezas da água e a oxigenam. Os tipos são diversos, você que está iniciando no aquarismo precisa entender cada uma e qual a ideal para o seu aquário. 

A dica mais importante é consultar especialistas sobre o ambiente que você está criando para os peixes.

Assim você poderá saber mais sobre filtros biológicos, filtros externos, filtragem através de sump e outros tipos que vão garantir uma vida saudável ao seu aquário. Sempre leve em consideração se é aquário marinho ou de água doce.

Aquarismo para iniciantes é isso e muito mais

Falamos aqui dos principais pontos a serem considerados no aquarismo para iniciantes. Mas é claro que existem vários outros que precisam ser vistos. O que vale é estudar a melhor forma de montar seu primeiro aquário, consultando sempre especialistas da área. 

Se você precisar, consulte a Animale, temos profissionais disponíveis para tirar suas principais dúvidas em relação aos pets. Entre em nosso site ou fale conosco pelas redes sociais. 

ilustrativa-newsletter

Cadastre-se e receba novidades no seu e-mail