Border Collie é um dos cães mais inteligentes e leais. São cachorros que conquistam tutores pela sua personalidade ativa, brincalhona e inteligência. Além disso, se tivesse um ranking de padrão estético, provavelmente os collies seriam um dos primeiros da lista, pois possuem uma estética muito bonita e que chama a atenção. Confira neste artigo tudo o que você precisa saber sobre esta raça. 

Sobre os cães Border Collie

O Border Collie tem origem escocesa, onde vivia em meados do século XVII, entre a fronteira da Escócia e a Inglaterra, numa região chamada Northumberland. Devido a sua nacionalidade, esta raça recebeu o nome de Border que em português significa “fronteira” e Collie que vem de uma língua céltica, significa “útil”. 

Contudo, antes de receber o seu atual nome, era chamado de sheepdog, por conta dos trabalhos de pastoreios. Desde os seus primórdios, os collies foram criados para pastorear ovelhas, bois e vacas. Por isso, eram muito úteis para agrupar e caminhar com esses animais em vales e montanhas da Grã-Bretanha, país em que nasceu.

Com avanços da raça ao decorrer dos anos, os Borders Collies foram oficialmente reconhecidos em 1995 por serem cachorros com um instinto incrível de vigilância, por um dos maiores clubes de registro genealógico de cães de raça pura do mundo – American Kennel Clun (AKC).

Seriado Lassie: Raça de cachorro Border Collie

Os Border Collies se tornaram ainda mais conhecidos e famosos no Brasil, depois que o SBT passou a transmitir um seriado em TV aberta em 1954 que perdurou até 1973. O seriado tratava-se de uma cadela personagem chamada Lassie, muito esperta e que conquistou o coração dos internautas por ser extremamente inteligente. 

Apesar de ser conhecida no Brasil pelo canal SBT, Lassie foi uma personagem criada pelo britânico Eric Knight, publicado como conto e depois transformado em filme. A história gira em torno da família Mculloughs e da cachorra que também é da raça Border Collie. O primeiro episódio se chamava “The New Lassie” e 32 anos depois, foi lançado o “Lassie Come Home”, uma sequência de episódios que ajudou a propagar a doçura dos collies. 

Como é a personalidade do Border Collie?

Se você é um tutor ou uma tutora que não tem muito tempo para passar com um Border Collie, então não recomendamos que tenha essa raça em casa. Esses cães são bastante ativos e precisam da disposição que sobra para praticar exercícios. Eles são praticamente um atleta olímpico, pois, correm que é uma beleza e estão sempre animados para apostar nas corridas. 

Além disso, tem uma personalidade extremamente cheia de energia, alegres, sorridentes, simpáticos, adoram brincadeiras, são fiéis aos seus tutores e estão sempre dispostos a mostrar sua inteligência que é de se admirar. 

Outro ponto importante sobre a personalidade do Borders Collies, é que não é recomendado que eles vivam em apartamentos ou lugares com pouco espaço, porque se movimentam sem parar. Em relação à socialização, não são difíceis de lidar, pois, possuem sabedoria suficiente para aprenderem a se comportar.

Características do Border Collie

Os Borders Collies são cães de tamanho médio e a sua altura pode variar entre 46 a 56 centímetros. Possuem aparência atlética com um tronco mais longo que a altura dos ombros. Possuem expectativa de vida entre 12 e 15 anos, desde que possua uma vida bem equilibrada. 

Pelo e cores do Border Collie

Esses cães podem apresentar uma variação nas cores de pelagem, sendo curta ou longa e com subpelo grossos e com uma textura média que os protege de altas temperaturas. Uma das pelagens mais comuns é a bicolor, branco e preto. Outros tipos também contam com a cor vermelho australiano e marrom. 

Quais são os cuidados com Border Collie? 

Os cuidados começam principalmente com os pelos que são longos e fáceis de ficarem sujos e cheirando mal. Portanto, é essencial que os tutores fiquem atentos aos pelos mortos que estão presentes no cachorro. Além disso, toda a pelagem precisa ser escovada e penteada pelo menos 2x por semana e os banhos podem ser realizados a cada três meses. 

Cuidados com a saúde

O Border Collie costuma não dar  muitas preocupações aos seus tutores, visto que são resistentes a qualquer tipo de doenças mais sérias. Ainda sim, é importante levá-los ao veterinário para realizar exames e conferir se está tudo certo. Também confira as condições físicas do cão e faça você mesmo uma checagem em todo o corpo do animal, conferindo se não há feridas, sinais de infecção ou até mesmo, sensibilidade na pele. 

Dentes

A higiene bucal para os Border Collie também é muito importante. Evite o mau hálito e o tártaro do cão e escove os dentes dele três vezes na semana. 

Unhas:

O cachorro Border Collie precisa de cuidados com as unhas, que devem ser cortadas pelo menos 1 vez por mês, utilizando aparelhos limpos.  

Como adestrar Border Collie?

Os cachorros Border Collies estão sempre se destacando quando o assunto é inteligência. Por esse motivo, a fase de adestramento que deve ser realizada desde cedo, é uma fase tranquila para os tutores. Isso, porque os collies possuem um raciocínio incrível e aprendem comandos de forma muito rápida. 

Confira algumas dicas de adestramento: 

  • Comece ensinando truques básicos e em divisões: Ensine primeiro os comandos mais simples como por exemplo, ficar, sentar ou levantar. São comandos que podem ser divididos em diversos passos e intercalando em um período de tempo.
  • Seja consistente: quando estiver treinando o seu cão a obedecer seus comandos, sempre utilize as mesmas palavras, para que ele comece a obedecê-lo seguindo um padrão de frases. Além disso, a consistência também vale na hora não dar brechas para o collie. Mantenha a firmeza nos treinamentos e tudo certo. 
  • Ofereça petiscos em troca do bom comportamento: Segure petiscos nas mãos e incentive-os a obedecer comandos, e depois da boa conduta do cachorro, deixe que o Border Collie saboreie o petisco. Assim, vai entender que a obediência é o melhor caminho para dar orgulho aos seus tutores. 
  • Intercale com truques: Última dica e não menos importante é intercalar todos os treinamentos que você estiver fazendo com o cachorro Border Collie, fazendo cinco repetições de cada truque e depois trocando. 

Conclusão:

O que achou do Border Collie? Difícil não gostar, né? Se você deseja ter esse cão em casa, fizemos uma série de conteúdos para você entender mais coisas sobre eles. Confira em nosso blog e depois nos conte o que achou. 

Filhotes de Border Collie em Fortaleza

Instagram:

https://www.instagram.com/animalepetshop/

Além da inteligência e energia do Cachorro Border Collie, os seus pelos também chamam muito a atenção. São cães muito lindos esteticamente e, por isso, os tutores precisam ter alguns cuidados especiais para mantê-los com uma aparência boa. Por isso, confira algumas dicas sobre como cuidar e o que não fazer com os pelos da raça.

Raça Border Collie

O Cachorro Border Collie foi criado em uma região da fronteira da Escócia, para pastorear gados e animais. Você também pode ouvir falar sobre os “cães de campos”, justamente porque eles são muito usados para agrupar e caminhar com esses animais. 

Além disso, eles são considerados os mais inteligentes do mundo, podendo captar de forma rápida comandos e treinamentos. Inclusive, muitos dos Border Collies participam até de campeonatos de corrida, categoria, no qual coleciona medalhas.

Os pelos dos Border Collies caem muito?

Os pelos da raça Border Collie são exageradamente extravagantes, suas cores podem variar entre branco e preto, cor vermelha australiano e marrom, entre outras combinações bicolores. Além disso, os seus pelos são moderadamente longos, e lisa e a pelagem com uma cobertura densa e textura média.

Se os pelos dos Border Collies caem muito? Não, os pelos não costumam ter quedas frequentes, muito pelo contrário, a textura lisa facilita que os pelos durem bastante tempo. Geralmente, a queda acentuada ocorre apenas uma ou duas vezes ao ano, o que é muito pouco comparado a outras raças de cachorro.

No entanto, é comum que o cachorro tenha essas quedas casuais, porém, pode ocorrer de aumentar caso, os tutores não tenham o costume de escovar os pelos, prática que deve ser feita semanalmente. 

Como cuidar dos pelos?

Como comentado acima, os Border Collies sofrem perdas de pelos periódicos entre uma ou duas vezes anualmente, mas pode ser mais caso não seja cuidado de forma ideal. Por isso, separamos algumas dicas de cuidados. Confira:

– Escove a pelagem duas vezes por semana para retirar os fios mortos;

– Dê banhos apenas 1 vez no mês;

– Alimente seu cão com ração premium pelo menos 2x por dia;

–  Utilize produtos específicos para escovar os pelos, como por exemplo, a escova furminator, complemento de ômega 3 para reduzir a queda dos pelos, quando acontecer.

Outras ferramentas que também podem ajudar são: pentes e cortadores de unha para evitar que o collie danifique os pelos com uma coçada.

Pelos Border Collie e os 3 principais erros que você deve evitar

A estética da pelagem do Border Collie também está relacionada ao quão saudável encontra-se o cão. Por isso, aqui vão algumas dicas do que você não deve fazer, que podem afetar os pelos. 

1 – Não deixe seu Border Collie sem estímulos físicos e mentais. Eles são energéticos e precisam gastar isso de alguma forma. Caso não sejam estimulados, podem ficar muito desanimados e isso reflete na saúde e consequentemente nos pelos do cachorro. 

2 – Não fique sem escovar os pelos durante o período citado: duas vezes por semana, caso contrários, os pelos que estão mortos podem se acumular e fazer com que o cachorro Border Collie tenha quedas mais frequentes. 

3 – Se você é uma pessoa muito ocupada e não tem tempo para dar atenção a raça, indicamos que você não tenha um Border Collie. Embora inteligentes, eles estão bastante envolvidos com os tutores e essa ausência pode deixar o insatisfeito e abatido. 

Conclusão: 

Siga essas dicas e deixe o Border Collie cada vez mais feliz e bonito. Espero que este artigo te ajude a ter o cuidado que a raça precisa e merece. Quer conferir mais conteúdos sobre esse cachorro adorável? Acesse o nosso blog. 

Filhotes de Border Collie em Fortaleza

Instagram:

https://www.instagram.com/animalepetshop/

O cachorro Border Collie é lembrado pelo seu nível surpreendente de habilidade, energia e inteligência. São conhecidos como “cães do campo”, pois foram criados para pastorear gados e animais e por isso, são bastante concentrados e obedientes aos comandos. Confira como você pode utilizar todos esses benefícios para experimentar alguns truques divertidos com eles. Continue com a leitura.

A Raça Border Collie: campeões em corridas

Antes de mais nada, vale ressaltar que a raça de cachorro Border Collie são cães que se destacam quando o assunto é corrida, alguns até participam de campeonatos e são colecionadores de medalhas e podem alcançar uma velocidade de até 50 km por hora.

E, por isso, se você deseja ter ou já possui um cachorro Border Collie, deve ter em mente que esse cão precisa ser estimulado a todo tempo. Como eles são bastante energéticos, precisam gastar energia de qualquer forma, inclusive, até se você deseja que os cães sejam adeptos e bem-sucedidos em novos truques.

Contudo, a característica física e intelecto da raça, facilita o desenvolvimento de treinamentos, comandos e as mais variadas manobras. Por isso, não esqueça de exercitar o Border Collie continuamente.

Como educar um Border Collie?

Para educar um Border Collie é importante ter paciência e muita consistência. Não é um cão difícil de se treinar e aplicar novos truques, mas como são muito inteligentes, não podem dar espaços, se não, eles fazem a festa. 

Por isso, para que você comece a trabalhar novas práticas com o cãozinho, faça uma análise minuciosa sobre a saúde dele. Levar ele para uma checagem em um profissional veterinário não faz mal a ninguém. 

Além disso, garanta que o cachorro Border Collie esteja recebendo uma alimentação adequada para a sua estrutura física. Como eles soltam muita energia todos os dias, precisam ser alimentados até 2 vezes ao dia com rações apropriadas e que possuam nutrientes suficientes para mantê-los ativos e saudáveis. As rações premium geralmente caem muito bem. 

Truques e comandos para Border Collies durante os treinamentos

Agora que você já sabe o que deve ser feito antes de começar novos treinamentos com a raça Border Collie. Confira alguns truques do básico ao avançado que separamos para você. 

Truques básicos

Os truques mais básicos são ideais para o Border Collie filhote e já devem ser ensinados desde cedo, são comandos como: agitar, rolar, fingir de morto ou até mesmo dar a pata. São comandos que devem ser repetidos várias vezes até que o cão entenda e comece a fazer espontaneamente. 

Para fazer os truques acima, mantenha petiscos sempre por perto e de preferência segure em suas mão e toda vez que você pedir para ele rolar, manuseie as suas mãos em movimentos circulares – assim ele vai seguir os seus movimentos e com o tempo, aprenderá a rolar sozinho. 

A mesma ideia acontece para os outros truques, se você quer que ele coloque a pata na sua mão, pegue a pata dele e repita algumas vezes a palavra “sacuda”, até que ele entenda e para agitar ou se fingir de morto repita palavras que o faça entender o que deve ser feito, como, por exemplo: “roll over ou se mexa” e sempre faça antes, pois, os cães têm uma forte tendência em observar e fazer igual. 

Todos esses truques devem ser feitos com muito amor e carinho. O cachorro Border Collie é um cão muito sensível e precisa de atenção e cuidados extremos para se sentirem acolhidos e obedeçam aos seus comandos, mais facilmente. Além disso, toda vez que ele acertar e obedecer, dê alguns petiscos para ele comer, fazendo ele entender que está no caminho certo. 

Use brinquedos como as bolinhas para cachorro

As bolinhas são ótimas aliadas dos cães, principalmente se o cão é um Border Collie. Você pode começar com truques básicos como: jogar a bolinha para o mais longe possível e incentivar que o cachorro vá atrás e agarre a bolinha. Os Border Collies adoram, pois o que eles mais fazem bem, é correr, não é mesmo?

Além disso, você também pode usar a bolinha para incentivar o Border Collie a pular e tentar pegá-lo da sua mão. Nesse truque, você pode presenciar grandes saltos e o seu cão fazer lindas giratórias no ar. Tudo para pegar a bolinha. 

Saltos nos Bambolês /Arcos

Esse truque é um dos mais legais, mas só pode ser feito quando o Border Collie atingiu uma certa idade que permeia entre 1 a 2 anos de vida. Essa raça já tem facilidade para isso, nos campos, por exemplo, os agricultores ensinam a pular cerca, e inclusive, prepararam os Border Collies para participar dos campeonatos. O que é um truque com Bambolê, perto disso?

Então vamos lá, se você deseja se admirar com a performance do seu Border Collie – agachado(a) segure o arco em suas mãos e incentive o cachorro a pular entre você, passando por dentro do Bambolê. Você também pode segurar o arco em qualquer posição para que ele passe no meio. 

Conclusão

Gostou das dicas? Essa é uma oportunidade de você explorar tudo o que pode ser explorado para se divertir com o cachorro Border Collie. Aproveite as suas inteligências e habilidades para ensiná-los os mais variados truques, pois, tenho certeza que você ficará muito feliz com o resultado.

Filhotes de Border Collie em Fortaleza

Instagram:

https://www.instagram.com/animalepetshop/

O cachorro Border Collie está entre uma das raças mais fáceis de se treinar. E não é para menos, parece que nasceram para isso e a sua história diz muito sobre isso. Eles foram criados de modo a servirem como pastoreios em outros animais. Além disso, são uma das raças mais inteligentes.

Alguns especialistas apontam que o treinamento pode ser conduzido com base no comportamento e características de cada raça. No entanto, levando a inteligência e obediência do Border Collie em consideração, o processo de adestramento pode ser mais tranquilo do que você imagina. 

Eles possuem um raciocínio lógico bastante desenvolvido e captam com mais rapidez os comandos e ordens que seus tutores ensinam. Para tornar este processo ainda mais fácil, separamos 5 dicas neste artigo. Continue com a leitura.

Quando começar a adestrar um Border Collie?

Embora a inteligência desta raça seja algo superior, ainda sim, é recomendado, assim como outros cães que o adestramento seja feito o quanto antes. O tempo inicial é de 3 meses e no mínimo até 6 meses de vida.

Existe um tempo determinado para cada tipo de adestramento. Entre os 3 a 6 meses, por exemplo, é indicado que você comece a socializar o cachorro Border Collie para aprender a conviver com outros animais e acostumar a vivência em ambientes diferentes.

Na idade dos 6 a 12 meses, será possível controlar os latidos dos Border Collies que vamos combinar (são demais). Além disso, nessa altura você também poderá ensinar instruções básicas como: pedir para que traga algum objeto para você ou até rolar esse objeto quando solicitado.

Após o 1º ano o cachorro Border Collie estará maduro o suficiente para receber instruções mais específicas e um pouco mais difíceis de fazer, quando se é um Border Collie filhote. Além de treinar em casa, a raça também vai estar preparada para receber treinamento de um profissional, caso você considere essa possibilidade. 

Exercícios com o Border Collie

Além disso, o cachorro Border Collie deve sempre receber estímulos através de exercícios, visto que é uma raça com bastante energia. Por isso, faça brincadeiras que envolvam bastante ação e movimentos, para que a raça gaste todas as suas disposições e sempre esteja disposto a repetir. São estímulos que fazem toda a diferença quando for treiná-los.

Por natureza esses cães possuem bastante disposição, então, é necessário que os tutores aproveitem isso no dia a dia. Além do mais, esses estímulos servem para que psicologicamente e fisicamente o cachorro Border Collie, se mantenha saudável para viver bem e com bons comportamentos.

Como deixar o seu Border Collie mais calmo? 

Apesar da agitação e energia da raça Border Collie, em algumas situações é importante manter o cão calmo, pois, nem sempre toda essa carga pode ser favorável. No entanto, para que os tutores possam manter os cães mais tranquilos, primeiramente, é importante pensar quais são os gatilhos que ativam o “modo ação” dos Border Collies. Listamos alguns aqui, confira:

Evite espaços muito fechados

O Border Collie possui uma estrutura física maior que os outros cães e, portanto, podem se sentir incomodados em ambientes muito fechados ou com espaços pequenos. Então, se você mora em um apartamento, não recomendamos que você tenha um. Se você reside em uma casa com espaço maior, procure deixar seu cão em um espaço só para ele – no quintal da sua casa, por exemplo. Afinal de contas, se ele está em um ambiente que o deixe confortável, involuntariamente ele se tornará um cão mais calmo e assim, será ainda mais fácil educá-lo. 

Faça passeios com o Border Collie com frequência:

Mantê-los no quintal da casa não é o suficiente. Como comentamos neste artigo, o cachorro Border Collie precisa de estímulos mentais, físicas e o passeio é a melhor forma de fazer isso. Construa uma rotina de passeios e leve-o em um parque com bastante espaço para ele correr, brincar e fazer suas necessidades. Sair de casa é uma forma de socializar o Border Collie e acostumá-los em outros ambientes que não seja apenas o lar.

Como fazer o Border Collie obedecer?

Uma das principais dicas de adestramento geral é manter a consistência no treinamento, isso serve para qualquer tipo de raça que você estiver educando. Com os Border Collies não é diferente. Se você não mostra uma postura ideal de que está no comando, eles podem se aproveitar e passar a ter mau comportamento diante dos tutores e em qualquer lugar que vocês estiverem.

Ser gentil também faz parte, independentemente do treinamento, no qual você precisa ter uma postura mais firme, demonstre que ama e seja amistoso em todas as etapas do adestramento com o seu cachorro. Nada é mais importante do que mostrar que está ali para o bem dele e para o relacionamento mútuo entre o cachorro e seus tutores. 

Passo a passo para adestrar o cachorro Border Collie

Agora confira um passo a passo que separamos para você ser bem-sucedido ou bem-sucedida com o cachorro Border Collie. Confira:

Conheça o seu Border Collie

Primeiro de tudo, você conhece como o seu Border Collie se comporta? Quais são as principais características dele? O que ele gosta ou o que não gosta? Se não, você precisa saber tudo, para que o treinamento seja realizado com base em seus gostos e personalidades. Para te ajudar, temos um artigo completo sobre tudo o que você precisa saber sobre o cachorro Border Collie.

Ensinando a comandos

De acordo com a idade do seu cão, que você já leu aqui neste artigo, divida os comandos em partes. Por exemplo, comandos como “ficar ou sentar” podem ser feitos um em seguida do outros, mas com alguns passos:

Primeiro, peça para o seu Border Collie sentar, depois peça para ele ficar e gesticule com as mãos, se ele sair do lugar ou não lhe obedecer por hora, coloque-o de novo no lugar ou na posição quantas vezes forem precisos até que ele entenda e obedeça.

Segundo, fala o revezamento desses truques, sempre com um de cada vez. Contudo, o segredo é repetir e dar intervalos para que o seu cão descanse um pouco e volte a praticar o que você está ensinando. 

Brincadeiras a parte

Quando falamos que os Border Collies precisam de estímulos, não é brincadeira. Você já leu algumas vezes sobre isso neste artigo. Por isso, enfatizamos a importância de estimular o cachorro Border Collie a brincar, correr, pular e gastar toda a sua energia. Esse é um dos pontos essenciais que manterá um Collie atento aos seus comandos.

Recompensas

Não deixe de recompensar o cachorro Border Collie com petiscos ou um pouco de ração durante o treinamento e depois. Inclusive, durante o processo, é importante que você presenteie seu cão com um petisco sempre que ele obedecer. Em alguns comandos, por exemplo, você também pode segurar o petisco na mão e incentivar que ele siga suas instruções. 

Conclusão:

Essas dicas vão te ajudar a manter um processo de adestramento mais fácil e evitando erros que podem atrapalhar. Por isso, siga todos os passos e depois nos conta o que achou. Além disso, muitas pessoas têm dúvidas de qual é o tempo que o adestramento leva, mas isso depende muito, viu? Mas, é claro que se você passa a dedicar uma hora do seu dia para treinar o cachorro Border Collie, menos tempo vai levar para que ele consiga pegar todos os comandos e siga todas as suas instruções relacionadas ao bom comportamento.

Filhotes de Border Collie em Fortaleza

Instagram:

https://www.instagram.com/animalepetshop/

Border Collie deitado

Super inteligente, enérgico e bastante parceiro, a raça Border Collie tem tudo para encantar você.

Essa raça é de médio porte e tem como característica marcante sua inteligência, sendo considerado uma das raças mais inteligentes do mundo. Além disso, é extremamente leal, cheio de vitalidade e disposição. 

O Border Collie jamais vai recusar um “convite” à prática de exercícios e adora desafios. Isso pode ser uma grande ajuda em vários momentos, como no adestramento, por exemplo. 

Se você pretende ter um cão dessa raça como parceiro, é importante saber que precisa estimular suas características. O Border Collie é excelente para quem possui uma rotina agitada e gosta de longos passeios, caminhadas com o cachorro. 

| Leia sobre as raças de cachorro mais inteligentes do mundo

Quer saber mais sobre essa raça? Continue a leitura e veja história, características físicas e personalidade do Border Collie.

História da raça

Algumas histórias atrelam o Border Collie aos grandes feitos do Império Romano, no século I a.C, quando invadiram a Grã Bretanha. E o comportamento da raça até que indica um orgulho de conquistador mesmo! 

A verdade é que só após 1915 esses cachorros recebem o nome atual, pois anteriormente eram conhecidos como sheepdogs. Uma alusão clara à sua principal função: o pastoreio de ovelhas

São muitos anos com esse legado de excelência no pastoreio de rebanhos. Isso acabou ajudando na expansão, organização e manutenção de territórios pelo mundo. O Border Collie foi oficialmente reconhecido com 1995 e desde então tem sido amado por todos com seu instinto de vigilância e amizade fiel. 

Características físicas do Border Collie

Falando primeiramente das cores, é possível encontrar o Border Collie em uma grande variedade de tons. Preto, cinzento, castanho, vermelho, creme, azul, prata, branco, tigrado e com duas cores (normalmente preta e branca). 

Sua pelagem pode ser longa ou curta, mas sempre muito macia e densa com uma camada de subpelos que ajudam a proteger das temperaturas variantes. Isso faz dessa, uma raça extremamente adaptável. 

Agora falando de sua condição física, o Border Collie pode chegar a medir entre 46 e 56 cm e pesar cerca de 20 kg. Por ser uma raça bastante enérgica, é indispensável uma rotina de exercícios, seja de agilidade, educativos, arremesso de disco ou bolinhas. 

Comportamento e personalidade do cão-pastor 

Até aqui você já deve ter entendido que os Border Collies são muito ativos, não é? Mas quando dizemos muito, é muuuito mesmo! Pode esperar dessa raça uma alegria interminável e muita disposição para brincadeiras. 

Além disso, são leais aos seus tutores, ao mesmo tempo em que são de certa forma independentes. Geralmente obedientes, eles farão de tudo para agradar, o que torna seu temperamento único e adorável. 

Carregam ainda consigo uma bondade e nobreza imensas. Mas é preciso fazê-lo socializar com as pessoas e outros animais desde cedo, para que não criem o hábito instintivo de pastorear a tudo e todos. 

Sempre dê atenção ao seu cão, pois apesar de não ser agressivo, o Border Collie frustrado e sozinho pode se tornar bastante áspero com quem se aproxima. 

Border Collie é na Animale Petshop

Gostou dessa raça e quer um cãozinho com companheiro? Venha para a Animale e garanta o seu. Todos os nosso filhotes são tratados com muito carinho e cuidado! Além disso, nossa equipe de especialista pode lhe ajudar com todas as dúvidas. 

Venda de filhotes de border collie Macho em Fortaleza 

Venda de filhote de border collie Fêmea em Fortaleza

Compartilhe esse artigo com os amigos e fique ligado em nossas redes sociais!


ilustrativa-newsletter

Cadastre-se e receba novidades no seu e-mail